Responsive Image

Breadcrumb

Navigation Menu

Pastagens e Forragens

Pastagens e Forragens

 

Em Portugal, e segundo o INE (2020), a área de pastagens permanentes cresceu 14% relativamente ao último recenseamento agrícola realizado (RA09), o quer dizer que este importante sistema agrário ocupa cerca de 60% da Superfície Agrícola Utilizada (SAU) em Portugal. Existe uma grande diversidade de pastagens permanentes (naturais e semeadas, em terra limpa e sob coberto de Montado) e, portanto, diversas estratégias de gestão. Já as superfícies de prados temporários e culturas forrageiras cresceram 24%, passando a ocupar a maioria das terras aráveis (59%).

 

O Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, I.P. – Pólo de Elvas (Estação de Melhoramento de Plantas) desenvolve programa de melhoramento genético de espécies pratenses e/ou forrageiras, com o objetivo final de disponibilizar para o mercado novas variedades destas espécies agrícolas com produções altas, estáveis e com qualidade. Atualmente, o INIAV tem inscritas 28 variedades de espécies pratenses e/ou forrageira no Catálogo Nacional de Variedades. Executam-se também outras atividades de investigação, inovação e experimentação relacionados com este setor agrário.

 

Informação adicional sobre as atividades desta cadeia de valor pode ser consultada nos sites: INIAV,I.P. | DRAP Alentejo

 

DRAPonline - BALCÃO DE SERVIÇOS - Direções Regionais de Agricultura e Pescas

 

Last update: 17 Fevereiro 2022 09:39